Cabe somente a nós decidir qual a melhor forma de conduzirmos a nossa vida pessoal e profissional, e isso deveria ser considerado um bem único e inviolável, unicamente porque fazemos escolhas com base em nossas experiências, educação e vontade própria. E, ninguém poderia se sentir no direito de nos manipular ou exercer qualquer tipo de influência ou coerção sobre a opinião pessoal do outro.

Quem já  entrou de gaiato em disputas alheias, sabe bem qual é a sensação de sentir-se manipulado. Acredito que ninguém goste deste tipo de opressão porque isso aprisiona a nossa liberdade de escolha e polui o nosso discernimento, o que acaba por vezes nos influenciando a seguir determinadas linhas de pensamento que não são as mais adequadas. Ver Mais